Bem vindo ao site da ONG Atitude Cooperação
Siga-nos nas redes sociais
Projetos
Doar é mais fácil do que parece doar agora
COLETIVO COCA-COLA

Capacitação e formação sociocultural duas palavras que agregam muito valor aos jovens que buscam espaço no mercado de trabalho. A ONG Atitude Cooperação e o projeto Coletivo Coca-Cola trabalham em prol da profissionalização e inserção dos jovens no mercado de trabalho. Uma parceria que vem dando certo!

Em abril de 2016, por meio do curso “Iniciação ao Mercado de Varejo”, a ONG e o Coletivo formaram mais de 90 jovens, entre 15 e 25 anos, da Zona Oeste de Natal. No decorrer do curso os alunos aprendem e debatem sobre diversos temas, como: os desafios do mercado, igualdade social, direitos humanos, coletividade, além das regras básicas para entrevistas, comportamento, elaboração de um currículo, entre outros.

O programa Coletivo Coca-Cola, desenvolvido em parceria com o Instituto Coca-Cola, foi pioneiro no país por representar uma inovação no modelo de negócio com o diferencial de encaminhar os alunos para o mercado de trabalho e o desenvolvimento das comunidades de baixa renda.

No Brasil, o Coletivo conta com mais de 500 unidades em 150 comunidades e já impactou mais de 70 mil pessoas e no Rio Grande do Norte já está presente em três comunidades. 

TECENDO ARTE NO FIO

O projeto Tecendo Arte no Fio 2015 consiste em proporcionar conhecimento de técnicas artesanais com materiais, principalmente, recicláveis, gerando, a partir daí, obras de arte singulares que representem a individualidade de cada participante, imprimindo-as nas peças a originalidade ao mesmo tempo em que se estabelece a padronização como marca do grupo.

As comunidades Bom Pastor, Cidade da Esperança, Guarapes, Felipe Camarão e adjacência são as áreas contempladas pelo Projeto, tendo como público alvo jovens a partir dos 16 anos e adultos, captando deles a criatividade e habilidade para que estes, por meio dos esforços positivos, obtenham trabalho e fonte de renda, além de expandir a própria história e alimentar o bem estar.

A cada término dos módulos ministrados aos aprendizes, feiras livres serão realizadas nas comunidades beneficiadas com o propósito de comercializar os produtos criados pelos artesãos.  A ONG Atitude Cooperação, localizada na Av. Mor Gouveia, bairro Bom Pastor, funciona como sede para as oficinas.

LIXO NA LIXEIRA

Este projeto foi lançado em dezembro de 2012 e busca conscientizar a população sobre a importância da limpeza urbana com coleta seletiva do lixo. Na primeira ação do Lixo na Lixeira, mais de 60 pessoas, entre elas escoteiros da UFRN, voluntários da ONG, alunos e professores dos colégios, fizeram um mutirão para limpar e pintar a Escola Estadual Jean Mermoz. 

RETRATOS DA VIDA

O projeto de fotografia busca desenvolver o olhar do estudante a partir da observação do cotidiano. Ao todo, 15 alunos participaram da ação em 2014. 

INCLUSÃO DIGITAL

Em 2014, foram atendidos 140 alunos. O projeto é desenvolvido em parceria com a Universidade Potiguar (UnP). A instituição disponibiliza o espaço, professores e apostilas e a Atitude Cooperação coordena a frequência dos alunos a partir do transporte que é feito durante 12 sábados, em dois ciclos por ano.

 

ATLETA CIDADÃO

O projeto é desenvolvido graças a uma parceria entre a ONG Atitude Cooperação e o Aeroclube de Natal, com o apoio da Unimed Natal. Graças a ele, crianças tem a oportunidade de aprender tênis, beach tênis e xadrez.  

ENCENA

O projeto surgiu a partir de uma parceria com a Universidade Federal do Rio Grande e tem como objetivo aproximar crianças e adolescentes para a conscientização corporal e postura, por meio do exercício teatral. Em 2014, ele contou com a participação de 32 alunos, que se apresentaram para mais de cinco mil pessoas durante os espetáculos da peça “Seu Sol, Dona Lua”. 

LIVRO SEM FRONTEIRAS

Lançado em 2011, o Livro sem Fronteiras disponibiliza livros para empréstimo gratuito em bibliotecas instaladas na CBTU, no bairro Ribeira, e no Centro de Convivência da Atitude Cooperação. Com 789 obras literárias retiradas em 2014, o projeto busca estimular o conhecimento por meio da leitura. 

As bibliotecas funcionam no horário comercial e seu diferencial está no não estabelecimento de prazo para entrega do livro. É feita, somente, uma conscientização sobre a importância da devolução para que outras pessoas também possam usufruir do acervo.

CELEIRO

O projeto Celeiro atua desde 2007 com o objetivo de estimular a cidadania e a inclusão social de crianças e adolescentes da rede pública de ensino. Assim são desenvolvidas atividades esportivas entre estudantes de três escolas da zona Oeste de Natal: Escolas Municipais Francisca Ferreira e Professor Zuza e Escola Estadual Jean Mermoz.

O projeto propõe uma ação educativa e preventiva através dos benefícios da prática esportiva disciplinada e de alta qualidade, no vôlei, no judô e no futsal. 

 

ARTE DE NASCER

O projeto busca aumentar o conhecimento sobre a saúde da mulher durante a gravidez, usando a arte para fortalecer o vínculo materno-infantil. Durante as reuniões, são ministradas palestras com temas relacionados à gestação e aos cuidados do bebê. 

Em cada reunião é realizado, também, o Momento Arte, em que se promovem oficinas de canções de ninar, declamação de poemas, aulas de pintura e desenho, confecção de cartões e técnicas de relaxamento.

 

TOCANDO A VIDA COM D'AMORE

Este projeto foi idealizado pelo maestro e violonista Oswaldo D´Amore no início de 2011. Nele são realizados três encontros semanais, nos quais os alunos possuem aulas teóricas e práticas sobre música clássica, além de formação de orquestra de cordas para apresentações artísticas. Atualmente 121 alunos integram o projeto, sendo cinco deles alunos em cursos técnicos da Escola de Música da UFRN (EMUFRN) e uma aluna aprovada no curso de graduação, em licenciatura, da UFRN. 

Em 2014, o projeto foi selecionado pelo programa Criança Esperança, mantido pela Rede Globo em parceria com a UNESCO, ação que ajudou a financiar as atividades desenvolvidas pelo Tocando a Vida durante todo o ano passado.

 

DE OLHO NO FUTURO

O projeto consiste na identificação de problemas de visão em crianças e adolescentes das escolas atendidas pela Atitude Cooperação.

Uma das ações do projeto é treinar os professores das escolas a identificar dificuldades de visão dos alunos. Quando o problema é identificado, o estudante é encaminhado para exames clínicos mais detalhados e correção do problema, no caso de uso de óculos. 

 

Nós podemos mudar a realidade de nossas crianças