Bem vindo ao site da ONG Atitude Cooperação
Siga-nos nas redes sociais
Novidades
Doar é mais fácil do que parece doar agora
18/05/2017 16:09:00 Atitude Cooperação promove ação em alusão ao Dia 18 de Maio

Mobilização aconteceu na Zona Oeste de Natal em Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Nesta quinta-feira (18), a ONG Atitude Cooperação realizou, na Zona Oeste da Capital, junto aos colaboradores e alunos, uma ação em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes – 18 de Maio.

O objetivo da ONG é destacar a data, mobilizar e convocar a sociedade a fazer parte dessa luta no Combate ao Abuso e à exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.   As ações realizadas pela Atitude Cooperação envolveu cinema sobre o tema para os alunos e mobilização na rua, com o intuito de informar e ampliar meios de autoproteção e de defesa às crianças e adolescentes junto a comunidade.

Os participantes fizeram a distribuição de panfletos, exibiram cartazes e, o melhor, expandiram a mensagem à população sobre a importância da denúncia através do Disque 100. Abuso e exploração sexual é crime. Faça bonito! Proteja nossas crianças e adolescentes.

Saiba mais sobre o Dia 18 de Maio

Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Em 2000, o dia 18 de maio foi constituído pela Lei Federal n° 9.970 como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Essa data foi escolhida em razão do crime que comoveu toda a nação brasileira em 1973, o Caso Araceli, em que uma menina de 8 anos de idade foi cruelmente assassinada após ter sido violentada em Vitória, no Espírito Santo.

A intenção é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta de prevenção e combate à violência sexual contra crianças e adolescentes, pois ninguém está livre de ser atingido por essa situação. É preciso formar uma consciência nacional para denunciar e romper com esse ciclo de violência e proteger meninas, meninos e adolescentes brasileiros.

Como denunciar – As denúncias de abuso ou exploração sexual de crianças e adolescentes podem ser feitas no conselho tutelar mais próximo ou para o Disque Denúncia Nacional – Disque 100, um serviço de utilidade pública, que recebe e encaminha denúncias de violências contra meninos e meninas.

Nós podemos mudar a realidade de nossas crianças